domingo, outubro 30, 2005

POESIARTE EM FOCO DE VICTORINO CARRIÇO



A poesiarte apresenta: Victorino Carriço. Poeta. Foi membro da Academia Cabofriense de Letras e fundador do E.C. Brasil. Nasceu em 29 de julho de 1912 e morreu em 20 de maio de 2003. Lançou quatro livros de poesia, são eles: "Mar e Amar", "Vidas Mortas", "Se Voltares..." e a coletânea dos três livros juntos lançada em 1997.

Vejamos uma de suas poesias:

"Se eu pudesse..."

O que passou, passou, não volta mais;
O que vier, não foi o que passou.
Um bom passado só saudades trás,
Da boa infância que tão longe ficou.

Ficaram essas coisas para trás;
O tempo inexorável as sepultou.
Me dá vontade de correr atrás,
Disso tudo tão bom, que não voltou.

O beijo que eu dei na minha namorada.
Não se beija a primeira namorada;
A vontade nos fica a vida afora...

As aulas, férias, como é bom lembrar!...
Papai, mamãe; tão bom o nosso lar...
E a gente ausente disso tudo agora.

(Poeta Victorino Carriço)

Nenhum comentário: