terça-feira, março 01, 2011

ARTIGO DE CUNHAMBEBE



MADE IN VASELINA

           É a vida, quem era xiita agora é vaselina. Nos campos desertos do Oriente bem longe da terra Tupiniquim a coisa continua feia.
          Numa aldeia perto da Sucupira Praiana uma tribo de versos menos evoluída de versos recebe este chefe o qual escreve.
         Fui bem recebido, mas as armas e os utensílios deles são muito primitivos a se comparar a Usca City e a Sucupira Praiana.
        As cigarras me atormentam neste calor danado na cidade Lagunar, onde a dança da chuva é fogo no mato a queimar sem parar.
       Uma trupe de loucos na Região do Sol ficou louca por causa de um tal índio cantor de nome Da Lua Sai de Reta Satanás, que fez festa na cidade Lagunar e em Sucupira City. A patroa foi nas duas festas sem mim. Diz ela , que agora vai ser técnica em curar pessoas de ocas diferentes. Hum. Não to gostando disso. Largar o restaurante para ser técnica curandeira, logo ela que é portuguesa. Aiaiaiaiaiai...
        Numa região em uma oca pré-universitária, Porco Espinho se mostrou ser um João Sem Braço com muita vaselina para o seu cabelo e Black Amêndoa a fugir pela tangente para não perder o que a por vir no futuro. Coisas que só o Zé Tarrafeiro sabe.
       Zé Ninguém ficou pé da vida com a atitude vaselina deles por causa da jovem virgem da tribo que mora lá pela Cidade Pedi Perdão Jardim, que não sabe ainda fazer as coisas. USCAAAAAAAAAAAAAAAAAAA.
      Ora, ora fala sério. Na minha tribo não quero mais saber mais destes caras de pau, ou melhor, vaselinas. Hehehehehehe...
       O mais absurdo que vi mesmo foi um infeliz índio a escrever “complequisiu” foi realmente surreal. Se o Pajé Xamã Alienista Surreal visse o projeto de índio dava paulada ,ou melhor, batia com cipó de tamarindeiro para ir ao além e quem sabe lá escrever certo.
       Agora patroa...hum...tô de OLHO ein!
       Está pensando que sou vaselina é?
      Da terra Lagunar ao som das cigarras para o editor via sinais de fumaça!
       Para meus leitores um beijo da Louca da Diana do Sendas...hehehehehe...

Namastê!



*Cunhambebe por Zel Humor.

-Chefe de várias tribos de letras 
e aliado de seres extraterrenos independentes.

Um comentário:

artur gomes disse...

por aqui nem só beleza
nesses dias de paupéria
nação de tanta beleza
país de tanta miséria

http://goytacity.blogspot.com/2011/03/o-racha-no-ministerio-da-cultura.html

ventilador – jiddu saldanha – cinema possível
http://www.youtube.com/watch?v=SVpwfLpwp00