sábado, novembro 07, 2009

ENTREVISTA COM JIDDU SALDANHA



A poesiarte apresenta: Jiddu Saldanha. Poeta, mímico e ser multicultural! Nascido em Curitiba-PR. Morador de Cabo Frio-RJ. Um artista que representa o mundo!

- Vejamos a entrevista feita por Rodrigo Octavio Pereira de Andrade. (Rodrigo Poeta):

1-Como você começou a gostar de poesia?

Não tem precisamente um tempo, mas lembro que meu pai recitava poemas e eu ficava ali, paradão, ouvindo-o, o tempo todo. Quando fui para a escola, queria aprender a escrever por que achava que a língua só servia para a poesia...

2-Quem incentivou você?

Meu pai...

3-Que tipo de poesia você mais gosta e prefere fazer?

Eu gosto do verso livre em qualquer estilo, mas o que eu realmente aprecio é a poesia curta, enxuta e também o estilo Haicai, que é uma poesia oriental.


4-Qual o seu estilo de fazer poesia, ou seja, qual o modo em que você faz a poesia?

Não dá pra especificar, meus poemas são muito livres mas atualmente eu tenho gostado muito de fazer haicais!

5-O que representa ser poeta para você?

Nada demais, uma pessoa comum apenas com um gosto pela arte de escrever versos...

6-O que representa a poesia para você?

Uma forma de ler e entender o mundo.

7-Quais os grandes ícones da poesia brasileira e mundial, que agrada mais você?

Gosto de Pablo Neruda, Mano Melo, Murilo Mendes, Drummond, João Cabral, Ciro Trindade, Adélia Prado, Cecília Meireles e os haicaistas japoneses como Bashô, Issa e também os haicaístas brasileiros como Masuda Goga, Alice Ruiz e tenho um carinho muito especial pela poesia de Paulo Leminski e Mário Quintana...

8-Você já participou de recitais de poesia? Se participou cite alguns de grande importância?

Fórum de Poesia da UFRJ, Congresso Brasileiro de Poesia, Panorama da Palavra, Poetas do Café...

9-Qual a sua visão sobre a cultura principalmente no campo da literatura?

Não tenho uma visão específica, apenas valorizo a leitura e acho que se aprende muito com nossa literatura.

10-Você já publicou algum livro? Se já, cite o nome dele e o ano em que foi publicado?

Participei de várias antologias por este Brasil a fora e publiquei um livro de Haicai em parceria com o poeta do Amapá, Herbert Emanuel, o nome do livro é “Do Crepúsculo ao Outro Dia”.

11-Você já fez algum projeto ou participou de algum em referência a poesia?

Tive um sarau chamado Poesia na Quarta-Capa que foi planejado para durar 4 anos. No espaço Cultural da Constituição, no Rio de Janeiro, foi um sucesso! Começamos em 2000 e fomos até 2004.

12-Qual a poesia sua em que você mais possui afeição?

Não dá pra dizer, eu acho que sou um mal poeta, talvez um dia me apaixone por meus poemas, por enquanto só dá pra ir escrevendo!

4 comentários:

sgt Armando Morais disse...

Caro amigo poeta Rodrigo
Não sei nem como te falar
Por essa bela entrevista
Que acabei de observar.
Estou em verso deichando
A opinião relatando
E quero te parabenizar.

Eu queria ser um poeta
Não igual a você
Vivo bringando com as letras
Em com os versos a sofrer.
Mais assim vou levando
Meus versos aqui deichando
Especialmente para você.

Parabéns meu poeta Rodrigo, você merece muito mais, que Deus te abençõe.

Cris Dakinis disse...

Parabéns, Jiddu Saldanha. Que você venha a se apaixonar muito em breve por seus poemas :)
Cris

dina disse...

Rodrigo ,
Parabéns pelo seu trabalho e sucesso. Belissimas entrevistas por aqui. Parabéns a todos!

diná

Anônimo disse...

Belo espaço para a poesia na rede, valeu, Rodrigo, grande abraço (Jiddu)