sexta-feira, abril 03, 2009

DESTAQUE POESIARTE DE MARÇO


A poesiarte apresenta: João Bosco. Poeta de São José dos Campos-SP. João Bosco foi o poeta destaque do mês de março da COMUNIDADE POESIARTE.

- Vejamos um poema de sua autoria:


Náufragos em Zanzibar

I
Amar-te de maneira tão tensa,
Como só o fazem os animais.
Em ti, minha paixão é intensa.
Sufoco em beijos, gemidos e ais.
Pedes-me; já quase não pensas.
Não pare, amor... não pare jamais.

II
Por desejo assim tão profundo, tenaz.
Navegar por mares estranhos me ponho.
Possuo-te - abro mão de tudo no mundo.
És tu cadela vadia; sou eu cão vagabundo
Em tua gruta sedenta, minhas armas deponho.
Exangue, sacio em ti, a minha fome voraz.

III

Um outro desejo, célere, ocupa.
O lugar do que ficou acabado.
Amar-te é bom - pois sem culpa.
Provo do fruto, no Paraíso negado.

IV

Teus beijos, amor; são doces, de sabor tão raro.
Que deles, o gosto, a mente, confusa, me olvida.
Recorro então ao Sentir; que me é muito mais caro.

V

Não pare, amor! Não pare! Diga-me por toda a vida.
Molhada em suor; trêmula, peito arfando, olhos sorrindo.
Abraço apertado; beijo-te a nuca - de repente, te vejo quieta - dormindo.

Poema relembrando os caminhos que levam de Marrakesh a Bagdad, passando pelo cabo da Boa Esperança, com escala em Zanzibar, que faz rima perfeita com amar.

Vale do Paraíba, Halloween de 2008.

(João Bosco).

Um comentário:

Cantinho do Terapeuta (Massa!) disse...

Fico muito honrado por um de meus cometimentos, este "Náufragos em Zanzibar" ter sido escolhido entre tantos outros poemas, como o destaque do mês de Março...para os demais deixo o meu afetuoso abraço de aprendiz...de amor e de poesia...Namaste! Gasho.